Seminário de Pessoas com deficiência e Jovens Aprendizes no Mercado de Trabalho em Rondonópolis - Novidades - Fundação Bunge
Texto

Novidades

Seminário de Pessoas com deficiência e Jovens Aprendizes no Mercado de Trabalho em Rondonópolis


Publicado em 20/03/19 às 18h00 envie a um amigoenvie para um amigo imprimir esta
novidade

De 2 a 8 de abril, acontece a I Semana de Inclusão em Rondonópolis (MT) e uma das ações programadas para o período é o Seminário de Pessoas com deficiência e Jovens Aprendizes no Mercado de Trabalho, nos dias 2 e 3 de abril, uma iniciativa da Rede de Formação e Inclusão de Jovens Aprendizes e Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho de Rondonópolis. A rede foi lançada em outubro de 2018 com o objetivo de oferecer qualificação e inserção de jovens aprendizes e pessoas com deficiência no mercado da região. A iniciativa surgiu da necessidade de solucionar dois problemas que prejudicam o crescimento econômico e a inclusão social na região: dificuldade para preencher vagas de emprego disponíveis na região e o cumprimento de duas leis importantes - Lei da Aprendizagem, que determina que todas as empresas de médio e grande porte devem contratar de 5% a 15% de jovens entre 14 e 24 anos; e a Lei para PCDs, que garante a inclusão no mercado de trabalho de pessoas com algum tipo de deficiência. 

Confira a programação completa do Seminário de Pessoas com deficiência e Jovens Aprendizes no Mercado de Trabalho:

02/ABRIL

8h | Abertura

8h30 - 10h | Mesa redonda - Você entende as novas gerações? Empatia, contexto e perspectiva do jovem em 2019, com 

Patrícia Campos – Promotora da Infância e Juventude. Graduada em Direito pela Universidade de Uberaba (UNIUBE) em 2001, Promotora de Justiça da Infância e Juventude atualmente, ex- promotora de Justiça Criminal de Rondonópolis.

Wilson Ortega – Professor e Coordenador de Psicologia da UNIC. Coordenador de Psicologia na UNIC/KROTON, docente na mesma universidade dos cursos de graduação e pós-graduação nas áreas de psicologia e Gestão de Pessoas. Psicólogo há 20 anos na área Organizacional. Fundador e Coordenador do Núcleo de Estudos em Psicologia Organizacional e do Trabalho – NEPOT. Proprietário do Espaço Vida & Carreira, consultoria especializada em serviços de Gestão de Pessoas/RH, desenvolvimento de carreira e serviços em Psicologia Clínica. Conselheiro do Conselho Regional de Psicologia de MT. Presidente da Comissão de Psicologia Organizacional e do Trabalho. Membro da Associação Brasileira de Psicologia Organizacional e do Trabalho – SBPOT. Membro da Associação Brasileira de Ensino de Psicologia – ABEP. Membro do Comitê Pró-Empresa Júnior UNIC Rondonópolis (Núcleo de Gestão Empresarial – NGE).

Ernando Cabral Machado – Presidente da ACIR e da SICOOB. Técnico Agrícola, graduado em Ciências Contábeis na PUC de Goiânia. Funcionário da antiga CELG por 5 anos e da Caixa Econômica Federal por mais de 10 anos. Sócio fundador da UNIR – União de Escolas Superiores de Rondonópolis em 1997 que posteriormente foi vendida para a UNIC em 2008. Produtor rural voltado para a Bovinocultura de Leite na Fazenda Balaio e empresário do ramo de imóveis. Sempre envolvido na sociedade organizada da cidade, como diretor do Sindicato Rural, da CDL e da própria ACIR, por vários mandatos. Assumiu a CREDLOJA em 2003, hoje Sicoob Cerrado como presidente. Integra a diretoria do Lar do Idosos por mais de 15 anos e também da APAE de Rondonópolis como Vice-presidente. 

Millene Santos do Nascimento – Aluna da Escola Estadual Dom Wunibaldo Talleur. Estudante do 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Dom Wunibaldo Talleur. Tem 14 anos, participa das oficinas de empregabilidade para jovens e adolescentes do CRAS Iguaçu, em que são trabalhados aspectos relacionados aos empregos, juventude e sociedade. Tem a aspiração de cursar um curso superior, embora ainda não tenha decidido entre psicologia, administração e os demais. Hoje está procurando uma oportunidade de jovem aprendiz.

Mediadora: Danielle Marques, do Sine Rondonópolis.

 

10h - 10h30 | Intervalo

10h30 - 12h | Mesa redonda - Todo mundo é diferente! Mudança de olhar sobre as Pessoas com Deficiência do século XXI: A deficiência é apenas uma das características; local de fala e novas tecnologias, com 

Erica Resende Barbieri – Idealizadora do Projeto Autismo na escola. Psicóloga formada pela Universidade Paranaense, Bacharel em Teologia na Faculdade de Teologia – Seminário Teológico Peniel. Especialista em psicopedagogia e neuropsicologia. Psicóloga clínica e idealizadora do Projeto Autismo na Escola que busca conscientizar educadores, pais e alunos sobre a condição do autista na sociedade e suas potencialidades, além de promover integração e inclusão de pessoas com esta condição. Casada, é mãe de dois filhos autistas. Sócia da Associação Brasileira, Neurologia e Psiquiatria infantil e Profissões e sócia fundadora da Associação Rondonopolitana de pessoas com Transtorno Autista.

Soraia Silva Prietch – Professora Doutora da UFMT. Graduada em Ciência da Computação pela Universidade de Cuiabá - UNIC (concluída em 1999), Mestre em Ciência da Computação pela Universidade de Brasília - UnB (concluído em 2004) e Doutora pelo Programa de Doutorado Interinstitucional (DINTER) entre a Escola Politécnica da USP e a UFMT (concluído em 2014). Desde 2004 é docente com dedicação exclusiva (Adjunto I), da Universidade Federal de Mato Grosso/ Campus de Rondonópolis. Confere interesse na área de Ciência da Computação, com ênfase em IHC (Interação Humano-Computador), em Informática Educativa, em Tecnologias Assistivas, e no Ensino de Computação.

Gleison Fabian Rocha – Professor de Libras da Secretaria da Educação. Graduado em Pedagogia pela Faculdade Afirmativo de Cuiabá (2011). Especialista em Tradução e Interpretação Língua Brasileira de Sinais pela Centro Universitário Cândido Rondon - Cuiabá (2013). Professor de Libras na Secretaria Municipal de Educação SEMED e Instituto Educação de Mato Grosso. Pesquisador na área de Educação de Surdos, Formação Continuada do Docente na área de Libras e Conselheiro Municipal Direitos da pessoa com Deficiência na Assistência Social de Rondonópolis. Militante no Movimento Pessoa com Surdez Municipal e Estadual.

Andrea Marquez – Vice-presidente de Gente & Gestão da Bunge South America. Mais de vinte anos de carreira desenvolvida em grandes empresas como BNP Paribas e Visanet nas áreas de RH, Gestão, Comunicação e Sustentabilidade. Formada em Psicologia Psicodramática pelo Instituto Sedes Sapientae e MBA Empresarial - USP, Gestão de Pessoas e Gestão Empresarial - INSEAD França. Na Bunge desde 2011, atua como vice-presidente de Gente & Gestão para toda a América do Sul.

Mediadora: Danielle Marques, do Sine Rondonópolis.

12h | Encerramento

 

03/ABRIL

8h - 10h | Mesa redonda - A Cota não é Obstáculo, é Lucro. Legislação de cotas e quebra de tabus: Objetivos da cota; regras do BPC; campos de atuação dos PcDs no Marcado de Trabalho, com

Leandro Marcidelli de Almeida – Analista do Ministério Público do Trabalho. Representando os Promotores do Trabalho Leonardo Lobo Acosta e Állysson Feitosa Torquato Scorsafava, Leandro é analista do Ministério Público do Trabalho há 10 anos. Graduado em Direito pela UEL - Universidade Estadual de Londrina, com MBA em Direito Público pela Fundação Getúlio Vargas.  

Mara Lígia Kiefer – Líder de projetos de inclusão da iSocial. Formada em Comunicação Social - Relações Públicas e Comunicação Empresarial. Trabalhou por 20 anos (1986 a 2006) com gestão de projetos de comunicação e marketing, parcerias e organização de eventos técnicos: cursos, seminários, workshops, fóruns e feiras. Por sete anos (2007 a 2013) especializou-se em gestão de projetos de capacitação e inclusão de jovens de baixa renda e com deficiência no mercado de trabalho pelo setor público. Desde 2013 trabalha como gerente de projetos de inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho pela i.Social. A i.Social é uma consultoria com foco na inclusão social e econômica de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. A empresa auxilia as companhias a contratar pessoas com deficiência oferecendo consultoria técnica especializada em todas as etapas do Programa de Inclusão.

Hellen Cristina dos Santos Pereira – Bacharel em direito e Profissional Liberal. Graduada em Direito pela Faculdade Anhanguera Educacional de Rondonópolis. Pós-graduanda em Direito do Trabalho pela Faculdade Claretiano. Foi presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Rondonópolis de 2013 a 2016. Foi vice-presidente da Federação de Esportes de Mato Grosso (2015 a 2016) e Vice-presidente da Associação dos Cegos de Rondonópolis (2013 a 2016). Confere interesse nas áreas de articulação e reabilitação da Pessoa com Deficiência e no âmbito do trabalho.

Mediadora: Ana Paula Beer, da Associação Kobra. 

 

10h - 10h30 | Intervalo

 

10h30 - 12h | Mesa redonda - O Perfil Do Jovem e seu Isolamento Socioeconômico: Realidade socioeconômica do jovem; barreiras sociogeográficas impostas aos periféricos; empoderamento juvenil, com 

Elisângela Vieira – Gestora da Associação KOBRA. Graduada em administração pela Faculdade Do Sul De Mato Grosso (2006). Tem experiência na área de Administração e registro no CRA - Conselho Regional de Administração. Personal Professional Coaching pela Sociedade Brasileira de Coach. Militante e voluntária do Movimento Negro de Rondonópolis desde de 2007. Atualmente atua como profissional liberal.

Antutérpio Dias Pereira – Prof. Dr. de História na EDUVALE. Doutor em História Cultural pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Possui graduação em História pela Universidade Federal de Mato Grosso (1998), tem especialização em História e Teoria da História/UFMT/ROO é mestre em História pela Universidade Federal de Mato Grosso (2006). Atualmente é professor da Faculdade EDUVALE de Jaciara, MT, professor concursado efetivo - em História pela Secretaria Estadual De Educação. Tem experiência nas áreas de História e afins com ênfase em História cultural, atuando principalmente nos seguintes temas: História do negro, escravidão, racismo, resistência negra, discriminação, preconceito, estigma, classe média negra, História do Brasil Colônia e escravidão, História da África negra, Antropologia, Sociologia, Economia e Ciências Políticas.

Paula de Ávila – Assistente Social da Secretaria Municipal de Promoção e Assistência Social. Possui graduação em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1994). Pós-graduada em Administração e em Gestão Pública. Mestre em Educação, pela Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT Rondonópolis. Membro suplente do Conselho Regional de Serviço Social - CRESS/MT. Assistente Social da Prefeitura Municipal de Rondonópolis e da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso. Foi professora de Serviço Social na Faculdade Cenecista de Rondonópolis/MT - FACER, por três anos e meio. As áreas envolvidas: direitos sociais e humanos, pessoa idosa e pessoa com deficiência, criança e adolescente, população em situação de rua, saúde, entre outras.

Jaspy Elenice da Silva Alves – Aluna do IFMT. Jaspy tem 15 anos e estuda atualmente no IFMT (Instituto Federal do Mato Grosso) no Curso Técnico de Secretariado. Indicada pela Obra Kolping tem formação nos cursos técnicos de espanhol e design gráfico na mesma instituição. Jaspy é paraense e mora com a mãe e uma prima em uma casa cedida no Bairro Jardim Marinalva.

Mediadora: Ana Paula Beer, da Associação Kobra. 

 

12h | Encerramento

LOCAL: Rondon Plaza Shopping – sala 01 do Cine Vip (Avenida Lions Internacional, 1950 - Parque Sagrada Família - Rondonópolis)

Entrada gratuita, sem a necessidade de inscrição



Comentários

Os comentários divulgados no site da Fundação Bunge são de responsabilidade dos usuários e não refletem os valores da Fundação Bunge.

Nenhum comentário encontrado

Envie seu comentário



Imagem de segurança



Mais notícias

07/11/19 - Projeto Redes completa um ano Quase 3 mil pessoas foram impactadas no último ano; iniciativa já conta com a participação de mais de 50 empresas, organizações do terceiro setor, instituições de ensino e representantes do poder público

08/10/19 - Prêmio Fundação Bunge Cerimônia de entrega aconteceu em 7 de outubro e homenageou profissionais da Arte Visual de Rua e Agricultura Familiar

30/09/19 - Há História em Todos Lugar:
Centro de Memória Bunge
25 anos
Cinco apresentações sobre guarda e preservação da memória, disseminação do conhecimento e utilização de acervos como ferramentas estratégicas de gestão, seguidas de debate e visita a mostra “Há história em todo lugar”

10/09/19 - 25 anos do Centro de Memória Bunge Para celebrar vamos falar sobre guarda e preservação da memória, disseminação do conhecimento e utilização de acervos como ferramentas estratégicas de gestão

02/07/19 - Prêmio Fundação Bunge 2019 anuncia contemplados Neste ano foram reconhecidos talentos nas áreas de Ciências Agrárias, com o tema Agricultura Familiar, e Artes, com o tema Arte Visual de Rua

02/07/19 - Contemplados Prêmio Fundação Bunge 2019 Paulo Ito, Raiz Campos, Luciano Cordoval de Barros e Márcia Alves Esteves são os homenageados do ano