Ensino musical obrigatório no Ensino Básico. Você é a favor ou contra? - Fórum - Interatividade - Fundação Bunge
Texto

Interatividade

FórumFórumenvie a um amigoenvie para um amigo

Ensino musical obrigatório no Ensino Básico. Você é a favor ou contra?

  • 05/08/11 às 17h00

Em agosto deste ano, termina o prazo para que as instituições de Ensino Básico (Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio) de todo o Brasil se adaptem à obrigatoriedade do ensino musical nas aulas de educação artística. Assim, as escolas têm até este mês para definir o modelo de aula, fazer a aquisição do material necessário e viabilizar um professor apto para trabalhar com música.

A obrigatoriedade do ensino musical é fruto da lei nº 11.769, publicada em 18 de agosto de 2008, que alterou a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (lei nº 9.394, de 1996) e determinou o prazo de três anos para que as escolas realizassem as adaptações necessárias.

A lei não especifica conteúdos, de forma que cada escola terá autonomia para decidir o que será trabalhado. Contudo, o Ministério da Educação recomenda que, além das noções básicas de música, cantos cívicos nacionais e sons de instrumentos de orquestra, os alunos aprendam cantos, ritmos, danças e sons de instrumentos regionais e folclóricos, para conhecerem a diversidade cultural do Brasil, estimulando o patriotismo.

Você concorda com essa obrigatoriedade? Em sua opinião, a música pode fazer diferença para a formação das crianças? E de que forma?

 

Responder ao tópico


  • 05/08/11 às 17h15
  • Por: Sonia Maria da Cruz

Sou a favor porque é música e isso tem que fazer parte da vida do educando. Claro que, é compreensível que faltem profissionais da área musical, mas acredito que uma mobilização por parte do governo, traga algum resultado à longo prazo.

Responder a esta mensagem

  • 19/08/11 às 11h00
  • Por: Douglas Hurmann

Sou a favor também.Acho que quanto mais a arte estiver presente nas escolas melhor será para o desenvolvimento da criança.A música e também o teatro, tem o poder de fazer a criança se espressar como ela é realmente e não apenas cair em uma rotina de aulas.Alem disso alimetna o estimulo da criatividade e da percpção da criança,tornando-a um futuro cidadão mais responsavel e comprometido com a cultura.Claro que ha ainda muito a ser feito e sabemos que a capacitação desse profissional não é muito reconhecido,mas estamos no caminho certo.

Responder a esta mensagem

  • 13/02/12 às 20h45
  • Por: Gleiciane Ferreira Beassi

Com cereteza, assim podemos descubrir váriios talentos por este brasila afora.

Responder a esta mensagem

  • 21/08/11 às 19h00
  • Por: ERINEIDE DIAS DE FREITAS

Sou a favor sim, porém, acredito que se o governo cria condições favoráveis para essa essa nova disciplina tem tudo para da certo.

Responder a esta mensagem

  • 29/08/11 às 17h30
  • Por: Marcio

O conteúdo principal é saber se o final deste "avanço" não se torne como foi no passado com a línguas estrangeiras, espanhol, inglês, francês...que também passaram como sombra pelo nosso "ensino obrigatório e que se perderam na obrigatoriedade.
É fato que o inglês prevaleceu sobre todas mas "quem" hoje domina o inglês básico ao sair do ensina básico, acredito que mais do que decidir se devem ou não fazer parte é se serão levados a sério.

Responder a esta mensagem

  • 04/09/11 às 17h45
  • Por: Márcia Perrone de Monteiro

Sou a favor, pois mesmo obrigatório, toda criança e adolescente curte música e acaba por gostar da atividade. O importante é que amúsica socializa, integra, mas principalmente sensibiliza estas pessoas em formação para pensarmos num mundo mais criativo, humano e igualitário.

Responder a esta mensagem

  • 17/09/11 às 11h15
  • Por: jair pereira da silva

Sou a favor, e muito. Na minha opinião a musicabilidade conduz a criança ao um plano maior de liberdade.

Responder a esta mensagem

  • 15/10/11 às 11h45
  • Por: gilberto lopes

estudos comprovam,crianças que tiveram aulas de música e xadrez obtiveram 25% de rendimento maior em raciocínio, sociabilidade, comunicação e expressões , alem de expressarem um bio-ritmo alegre e espontâneo. VAMOS GERAR ESSA CONDIÇÃO NAS ESCOLAS PARA VOLTARMOS A TER UMA SOCIEDADE MAIS HUMANA

Responder a esta mensagem

  • 01/11/11 às 11h30
  • Por: Dilson Laguna

SIM, sou a favor!
Mas tem que haver uma metodologia coerente e que instigue os alunos a se interessarem mais por música, ter contato com as referências certas e professores qualificados, senão de nada adiantará!

Responder a esta mensagem

  • 02/05/12 às 17h00
  • Por: ricardo jose do nascimento

Sou a favor dessa iniciativa e acredito que a música poderá ser trabalhada com história, lingua portugues, expressão corporal, física... e principalmente matemática...
O profissional poderá por meio da didática explicar a música e alguns fundamentos da matemática dando a oportunidade aos alunos ampliar seus conhecimentos de forma diferenciada.

Responder a esta mensagem

  • 03/05/12 às 08h30
  • Por: JAIR PEREIRA DA SILVA

Sou a favor.
Quando a liberdade vem acompanhada com a musica, ela é verdadeira e sem vicio. A musica ocupa espaços ociosos na mente da criança, tornando-as mas sábias nas suas decisões.

Responder a esta mensagem

  • 10/05/12 às 22h45
  • Por: Luiz Wallace

Sim, a musica e de suma importancia pra formacao artistica, social, mental e moral das criancas.

Responder a esta mensagem

  • 11/05/12 às 12h30
  • Por: jair pereira da silba

Sou a favor. A musica tornar as pessoas mais "leves", senviveis, verdadeiras e tolerantes. As crianças precisam ser "alfabetizadas" em suas emoçoes.

Responder a esta mensagem

  • 13/05/12 às 22h15
  • Por: Marcia Perrone de Monteiro

Claro que sou a favor.A música sensibiliza as pessoas e sua relaçoes com o mundo, além de despertar o sentido da escuta e percepção de si mesmo e dos outros. podemos ainda dar acesso às crianças a poderem despertar esta habilidade, podendo tornar-se parte do meio musical.

Responder a esta mensagem

  • 05/10/12 às 09h45
  • Por: sueli ventura

Sim, eu concordo com a reintrodução da música como disciplina obrigatória nas Escolas.
No início dos anos 60 era obrigatória, tive o privilégio de ter aulas com professores maravilhosos que me ensinaram muito sobre a música e os sons do Brasil e me ajudaram a compreender e amar a música em todas as suas formas.
Atenciosamente,
SueliVentura

Responder a esta mensagem

Responder ao tópico

As opiniões divulgadas no Fórum são de responsabilidade dos usuários e não refletem os valores da Fundação Bunge.