Proibição de sacolas plásticas em estabelecimentos comerciais: você é a favor ou contra? - Fórum - Interatividade - Fundação Bunge
Texto

Interatividade

FórumFórumenvie a um amigoenvie para um amigo

Proibição de sacolas plásticas em estabelecimentos comerciais: você é a favor ou contra?

  • 02/06/11 às 14h30

Em 18 de abril, entrou em vigor, em Belo Horizonte, a Lei Municipal 9.529 / 2008, que proíbe o uso de sacos plásticos feitos de derivados do petróleo em qualquer tipo de estabelecimento comercial. Isso significa que supermercados, lojas, drogarias, entre outros, devem oferecer alternativas ao consumidor, como sacolas biodegradáveis à base de amido de milho, que se desfazem em 180 dias, caixas de papelão ou sacolas retornáveis.

Segundo o autor do projeto, o vereador Arnaldo Godoy (PT), no Brasil, anualmente, são produzidas 210 mil toneladas de sacos em plástico filme, que representam 9,7% da média do lixo no país. Jogados nas ruas, os sacos entopem as redes de esgoto, causando enchentes, e dificultam a decomposição do material orgânico.

Diversas outras cidades brasileiras estão adotando legislações parecidas, como é o caso de Cuiabá, que começará a proibir dentro de três anos, e de São Paulo, onde as punições para estabelecimentos comerciais que não se adequarem começam já em 1º de janeiro de 2012. Além disso, outras 13 capitais brasileiras e o Distrito Federal já aprovaram leis que limitam ou proíbem a utilização de sacolas plásticas em estabelecimentos comerciais, e mais seis possuem projetos em tramitação.

Enquanto isso, os fabricantes defendem que o combate deve ser ao desperdício, com foco na conscientização sobre o uso correto, reutilização e descarte responsável das sacolas plásticas. Para eles, a proibição é um erro, que penaliza a população com custos extras, e causa perda de empregos na cadeia produtiva.

E você, é a favor ou contra a proibição das sacolas plásticas? Qual você acha que deve ser o caminho para reduzir seu impacto ambiental?

 

Responder ao tópico


  • 02/06/11 às 15h15
  • Por: Vergilio Floriani

Sou a favor da proibição!

Responder a esta mensagem

  • 07/06/11 às 20h45
  • Por: Valter Bandeira Mendes

Sou contra esta lei que foi feita or ecoespertos tanto políticos quanto econômicos. Sou a favor de atitudes reais de preservação do ambiente e não destes engodos com interesses obscuros que usam a bandeira de preservação ambiental. Toda a estrutura de coleta de resíduos desenvolveu nos últimos 30 anos para o uso de sacos plásticos, até mesmo pelo fato do nosso lixo ser composto por resíduos úmidos como congelados etc. Vamos voltar aos latôes de lixo que ficam expostos a moscas e roedores? Porque a prefeitura de BH especificou um saco biodegradável tão caro? Existem alternativas mais baratas. A Prefeitura em conjunto com outros orgâos (inclusive Procon), estão fazendo uma propaganda enganosa divulgando que em um mês deixaram de ser distribuidas cerca de 25.000.000 de sacolas, mas não citou o número de sacos plásticos de lixo que tiveram que ser comprados e usados apenas uma vez, pois as sacolas tinham no mínimo dois usos, sendo o primeiro para facilitar as compras e segundo para acondicionar lixo, Fora a possibilidade de reciclagem. Este discurso , usando a boa bandeira da preservação ambiental,torna os cidadãos de boa fé em ecobobos ou ecoidiotas. A obrigação do município em fazer a coleta seletiva é deixada em segundo plano. Aproibição de sacolas plásticas somente está trazendo transtorno no dia a dia das pessoas. O comércio já faturou milhões de reais com a venda das sacolas e alguns políticos estão usando desta falsa ecologia para faturar votos de inocentes. Existe necessidade de um planejamento sistêmico para contribuírmos de forma eficaz para a preservaão ambiental. Este espediente de obrigatoriedade reporta as atitudes dos regimes de excessão. Abaixo a proibição.

Responder a esta mensagem

  • 08/08/11 às 19h45
  • Por: Marcelo

Sou a favor a proibição.

Responder a esta mensagem

  • 04/09/11 às 17h45
  • Por: Márcia perrone de Monteiro

Totalmente a favor. Precisamos pensar na reutilização de materias primas para pensar no futuro.

Responder a esta mensagem

  • 20/10/11 às 13h00
  • Por: Daniele Nogueira

Sou totalmente a favor da proibição do uso das sacolas plásticas. Na verdade sou a favor do meio ambiente. E a proibição do uso das sacolas plásticas foi uma grande iniciativa, realmente muito boa.

Responder a esta mensagem

  • 29/11/11 às 23h00
  • Por: VMP

Penso ,que açoes isoladas não favorecem nem beneficiam a sociedade,o planeta ou ás pessoas.Educar e socializar é o que leva o cidadão ao respeito e o comprometimento de zelar,cuidar pelo bem da coletividade.Quando alquem joga uma garrafa "pet" de material plastico na rua, no periodo de chuva,e por algum motivo este utencilho cae em uma boca de lobo, que tb.foi depredada,o que ocorre é o tranbordamento e não escoamento das aguas pluviais .E o inundamento de alguma via. Isto não é uma questão de educaçao?Quem esta ficando com os C$0,19 centavos de real das sacolas plasticas- que são uma "porcaria".Porque rasgam e novamente temos que estar comprando outra.Isto é correto? Já que é "retornável" não deveria ser mais duravel?Não entendo!É uma politica desleal com o cidadão que paga seus impostos e tenta levar uma vida justa e honesta.
Abirgado pela oportunidade,

Atenciosamente,

Responder a esta mensagem

  • 10/02/12 às 00h15
  • Por: ACO

sou contra. não adianta proibir se as pessoas não tiverem consiencia. essa proibição é mais uma maneira de alguns ganharem dinheiro a custa do povo. isso tá igual au kit de primeiro socorros.

Responder a esta mensagem

  • 10/02/12 às 00h45
  • Por: ana maria

sou a favor, infelizmente o povo precisa se conscientizar dos danos que causam ao meio ambiente, o pior é que, uns pagam pelos outros, todos sofrem e não é justo; eu por exemplo, sempre reciclei o máximo possível. Agora temos os 5 r's: reeducar, reciclar, reduzir, reutilizar, reaproveitar; sou educadora e passo para os meus educandos a questão da conscientização! Coopera aí vai!

Responder a esta mensagem

  • 09/10/12 às 10h00
  • Por: Renata Balsani

Sou contra a proibição! É mais um custo para o consumidor, onde somente beneficiaria os supermercados. Não adianta nada, as pessoas vão acabar comprando sacos pretos de lixo.
É um círculo vicioso.

Responder a esta mensagem

  • 12/03/13 às 20h15
  • Por: maria do carmo silva peixecavenaghi

sou a favor da proibição

Responder a esta mensagem

Responder ao tópico

As opiniões divulgadas no Fórum são de responsabilidade dos usuários e não refletem os valores da Fundação Bunge.